COVID-19

Mais informações de segunda a sexta-feira pelo telefone (14) 3602-3777. Denúncias podem ser feitas todos os dias pelo aplicativo da ouvidoria, WhatsApp e pelo Portal.
Grupos vigentes para Vacinação: A PARTIR DE 12 ANOS, COMORBIDADES, GESTANTES, PUÉRPERAS, LACTANTES e 2ª DOSE

Clique aqui para fazer seu AGENDAMENTO para vacinação

Clique aqui para ter acesso ao FORMULÁRIO DE TRIAGEM


Prefeitura de Jahu > Sobre Jahu > Pontos Turísticos

PONTOS TURÍSTICOS

Casarões do Centro Histórico - (turismo histórico-cultural)
A cultura cafeeira contribuiu sobremaneira para a ascensão econômica do Município. Toda essa riqueza proporcionou aos jauenses um padrão de vida elevado, mesmo para os menos abastados era acessível construir residências com razoável qualidade construtiva e estética, fruto do trabalho meticuloso dos artesãos construtores, em sua maioria, imigrantes italianos. Graças ao empenho dos desbravadores, dos imigrantes e de todos aqueles que aqui chegaram e estabeleceram-se, Jahu ainda é uma cidade pujante, de paisagem urbana acolhedora, que conta com um belíssimo, rico e bem preservado patrimônio arquitetônico em estilo eclético, construído entre o fim do século XIX e o início do XX, nacionalmente conhecido, respeitado e estudado no meio acadêmico brasileiro. Jahu possuí 450 casarões preservados por lei

Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio (turismo histórico-cultural)
Igreja com arquitetura eclética e predominância neogótica. É visitada por turistas e grupos escolares. O passeio dura aproximadamente 2 horas, no qual é contada a história de Jahu através da Igreja e suas peculiaridades. É mostrado os aspectos da construção, como ladrilho hidraúlico, sinos, arquitetura e vitrais. O passeio é oferecido gratuitamente pela Secretaria de Cultura, Esportes e Turismo (agendado com antecedência)

Exposição Nacional de Orquídeas (eventos)
Anualmente a Prefeitura de Jahu, em parceria com o Círculo dos Amigos Orquidófilos de Jahu (CAOJA), realiza a Exposição Nacional de Orquídeas, oferecendo para os visitantes vendas de orquídeas e produtos para o cultivo da planta. O evento realizado no mês de setembro atrai para o município expositores de mais de 30 cidades e chega a ter aproximadamente 15.000 visitantes em um único final de semana.

Frei Galvão (turismo religioso)
Santo Antônio de Sant'Ana Galvão, o primeiro santo brasileiro já esteve presente em Jahu, às margens do rio Tietê, e realizou o MILAGRE DA BILOCAÇÃO (estar em mais de um lugar ao mesmo tempo).
O turismo em Jahu vem crescendo graças ao popularmente conhecido Frei Galvão.
Todo ano é realizada a missa campal no mês de maio no Condomínio Frei Galvão.
Peregrinos rezam e caminham até o local da missa, onde são distribuídas as pílulas de Frei Galvão, que já realizou vários milagres para quem as tomou. Para conhecer o turismo religioso em Jahu o turista pode escolher entre a via terrestre ou pela fluvial, chegando próximo ao local do milagre por meio de um atracadouro.

Sábado Cultural (evento)
Feira de artesanato que ocorre todo sábado na Praça da República, local histórico na cidade. Com os mais variados tipos de artesanato, possui praça de alimentação e apresentações musicais.

Centro de compras de calçados
Jahu é conhecida como a Capital do Calçado Feminino. Possui 2 shoppings de calçados (direto da fábrica) com mais de 200 lojas com preços especiais para o consumidor que compra tanto no atacado como no varejo. Agende um dia para seus pés!

Julho Cultural de Inverno
Festival tradicional na cidade. Ocorre desde 1992 com diversas apresentações artísticas e culturais, movimentando a cidade no mês de julho, com aproximadamente 40.000 pessoas prestigiando as atrações.

Feira Regional de Artesanato
Feira que mostra diversos tipos de artesanato (couro, papel, bambu, etc.) da região de Jahu. Circulam na feira mais de 2.500 pessoas, que tem ainda atrações musicais e praça de alimentação.

Festival de Natal (eventos)
Ocorre no mês de dezembro. É um festival com diversas apresentações artísticas, como casinha do Papai Noel na Secretaria da Cultura, onde pais levam as crianças para fazer o pedido para o bom velhinho; coral em vários bairros da cidade e espetáculo na janela da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo com iluminação especial. O auge do festival é a tradicional descida do Papai Noel de tirolesa.