COVID-19

Mais informações de segunda a sexta-feira pelo telefone (14) 3602-1790. Denúncias podem ser feitas todos os dias pelo aplicativo da ouvidoria, whatsApp e pelo Portal.


Prefeitura de Jahu > Campanha Sinal Vermelho contra a Violência Doméstica

A Prefeitura de Jahu, por meio da Secretaria de Políticas Públicas Para Mulheres e Centro de Referência e Atenção da Mulher “Dra. Maria Antonia Sinatura Barros” (Casa Rosa), em parceria com a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara, aderiu à campanha “Sinal Vermelho contra a Violência Doméstica”.

A ação, promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), tem como objetivo incentivar as denúncias de violência contra às mulheres em farmácias. “As mulheres em situação de violência doméstica e familiar poderão fazer um sinal vermelho na mão e mostrá-lo dentro das farmácias parceiras e apoiadoras do projeto, sinalizando ao atendente ou farmacêutico que elas estão em risco”, explica Cândida Ferreira, secretária de Políticas Públicas para Mulheres.

Os funcionários das farmácias que aderirem à campanha serão orientados a tomarem as medidas necessárias para ajudar a vítima, como chamar a polícia, que dará prioridade a esse tipo de ocorrência, bem como fará encaminhamento para a rede de proteção à mulher, sobretudo à Casa Rosa. “Essa é mais uma campanha que contribui e fortalece o enfrentamento da violência contra a mulher. Por isso apoiamos. Mulheres, vocês não estão sozinhas, denunciem, seja pelo 180, pelo 190 ou pelo sinal vermelho em uma das farmácias parceiras”, destaca Cândida.

Mapeamento das Farmácias

A Secretaria de Políticas Públicas Para Mulheres e a Casa Rosa “Dra. Maria Antonia Sinatura Barros” estão mapeando as farmácias que desejam aderir à campanha e, em breve, divulgarão uma lista dos estabelecimentos. “Inclusive, nessa quinta-feira (09/07), tivemos uma importante reunião, por meio de vídeoconferência com o CNJ e a AMB, que selou nossa participação e parceria com essa importante campanha, a qual nos dispusemos a orientar todas as farmácias do Município, tanto da rede pública como da rede privada sobre a campanha”, finaliza Cândida Ferreira.

Galeria de imagens

Tags

COMPARTILHAR