INSERT command denied to user 'jaudb'@'localhost' for table 'ESTATISTICA_NOTICIA'UPDATE command denied to user 'jaudb'@'localhost' for table 'ESTATISTICA_NOTICIA' Prefeitura Municipal de Jahu

Jaú, Sábado - 18/11/2017

..........................

Sábado é o Dia D contra dengue e febre chikungunya

 

A Prefeitura de Jahu, por meio da Secretaria de Saúde e do Departamento de Zoonoses, aderiu neste sábado (07/02) ao Dia D de combate à dengue e à chikungunya, instituído pelo Ministério da Saúde.

Segundo a enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Leila Garcia Rossi, serão desenvolvidas ações educativas no Jardim Padre Augusto Sani para sensibilizar a população . “Das 8h às 12h, agentes de controle de vetores do Departamento de Zoonoses irão afixar cartazes nos pontos comerciais do bairro, realizar panfletagem e orientar toda a população sobre o combate à essas doenças. Além disso, no mesmo período, um agente de controle de vetores realizará esse trabalho no Pronto Atendimento do Hospital São Judas. A prevenção é o nosso foco”, reforça.

A dengue é causada por um vírus, e é transmitida através de um hospedeiro intermediário, o mosquitoAedes aegypti, que se multiplica em depósitos de água parada, acumulada nos quintais e dentro das casas. Existem quatro tipos de dengue. Os sintomas da dengue iniciam de uma hora para outra e duram entre 5 a 7 dias. Os principais sinais são: febre alta (39° a 40°C), forte dor de cabeça, dor atrás dos olhos, perda do paladar e apetite, manchas e erupções na pele, náuseas e vômitos, tontura, extremo cansaço, moleza e dor no corpo, muitas dores nos ossos e articulações e dor abdominal (principalmente em crianças).

A febre chikungunya é uma doença parecida com a dengue. Seu modo de transmissão é pela picada do mosquito Aedes aegypti infectado. Seus sintomas são semelhantes aos da dengue:febre, mal-estar, dores pelo corpo, dor de cabeça, apatia e cansaço. Porém, a grande diferença da febre chikungunya está no seu acometimento das articulações: o vírus avança nas juntas dos pacientes e causa inflamações com fortes dores acompanhadas de inchaço, vermelhidão e calor local. A doença, apesar de pouco letal, é muito limitante. O paciente tem dificuldade de movimentos e locomoção por causa das articulações inflamadas e doloridas.

A febre chikungunya deve ser diferenciada da dengue, a qual tem um potencial para resultados muito piores, incluindo a morte. Entretanto, as duas doenças podem ocorrer juntas no mesmo paciente.

A Secretaria de Saúde lembra que é importante não permitir o acúmulo de água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d´água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros locais e objetos, pois a melhor maneira de combater essas doenças é atuando de forma preventiva, impedindo a reprodução do mosquito Aedes Aegypti.

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia

Prefeitura Municipal de Jahu - Rua Paissandu, 444 - Centro - CEP: 17201-900 - Telefone: (14) 3602-1777

© Todos os direitos reservados - Prefeitura Municipal de Jahu | BiG DESiGNER