Jaú, Quarta-Feira - 16/08/2017

..........................

Prefeitura inaugura nova sede do Tiro de Guerra de Jaú

Quartel passa a funcionar em região estratégica, garantindo mais segurança aos moradores das imediações da Praça José Crepaldi, no Jardim Maria Luiza; antiga sede começa a se transformar no moderno Poupatempo

A Prefeitura de Jahu inaugurou neste sábado (8/11) a nova sede do Tiro de Guerra de Jaú. O novo quartel passou a funcionar na Rua Tenente Lopes, 2.101, na Praça José Crepaldi, no Jardim Maria Luiza. O investimento do Município foi de R$ 455,7 mil para adaptar um equipamento público que foi sede da antiga associação de moradores, mas que ultimamente servia como bar e ponto de prostituição e de venda de drogas. Ao instalar o Tiro de Guerra em novas dependências, a Prefeitura de Jahu abre caminho para que a sede antiga se transforme numa unidade do Poupatempo, cujas obras começam nos próximos dias.

A entrega da nova sede ocorreu na manhã do dia 8 com a presença do prefeito Rafael Agostini, de secretários municipais, vereadores e autoridades da Política Militar, além de familiares e amigos dos atiradores. Pelo TG 02-019 fizeram parte da cerimônia o subtenente Darcílio Carvalho Santana (chefe de instrução), o primeiro sargento José Ricardo Pepato, o tenente-coronel Marcos José de Oliveira Carioca, do 6º CSM (Circunscrição de Serviço Militar) e o segundo-tenente Wilson Miyashiro, delegado da 22ª Delegacia de Serviço Militar. O padre Celso Buscariollo fez a bênção da nova sede.

A cerimônia começou com a entrada do grupamento dos atiradores na sua nova sede. Após os discursos, o prefeito Rafael Agostini, o vice-presidente da Câmara, Charles Sartori, e o tenente coronel Marcos Carioca fizeram o hasteamento das bandeiras. Em seguida ocorreu o descerramento da placa de inauguração, ato que entregou oficialmente a nova sede ao Tiro de Guerra de Jaú.

Benfeitorias - A área onde se instalou a corporação militar recebeu todas as benfeitorias para dar aos atiradores as melhores condições de treinamento. Novas dependências foram construídas, inclusive uma ampla sala de instrução, e ainda corpo de guarda, secretaria, alojamento dos instrutores, cozinha, área de serviço, depósito de fardas, reserva de armamentos e alojamento. Também foram erguidas duas guaritas para os sentinelas, uma delas voltada para a esquina das Ruas Angelo Zugliani com a Tenente Lopes e a outra para a praça ao lado da sede.

O prefeito Rafael Agostini lembra que a decisão de promover a transferência do Tiro de Guerra para o novo local ocorreu a partir do momento em que a administração decidiu retomar o imóvel em frente da Praça Centenário, onde o TG funcionava. A retomada foi para que o Estado possa, em parceria com a Prefeitura de Jahu, instalar os serviços do Poupatempo. Ele destaca que tudo foi planejado. “Na administração pública a gente tem de saber o está fazendo e ter coragem para tomar a decisão e, acima de tudo ter planejamento.”

O Poupatempo vai complementar o atendimento à população, que já conta nas proximidades com OAB, Justiça do Trabalho, Fórum e cartórios eleitorais. Tudo está, segundo o prefeito, dentro do plano e da estratégia de transformar a região num centro de serviços e de documentação. “Estamos dando mais um passo no sentido de cumprir nosso planejamento e nossa meta administrativa. Fechamos um ciclo hoje, com a mudança de sede do Tiro de Guerra, e damos início ao próximo passo dessa grande missão, que é a construção da sede do Poupatempo.”

“O Tiro de Guerra tem sido parceiro do Município em diversas iniciativas que estamos colocando em prática”, falou o prefeito, ressaltando que o TG está melhor instalado agora. Segundo o prefeito, o Tiro de Guerra tem uma importância social, cívica e de prestação de serviços muito grande para Jaú, por isso foi buscado o melhor lugar na cidade para que os atiradores e todo o aparato do exército possam se instalar e criar uma relação de identidade com a comunidade.

O prefeito lembra que a região na qual está a nova área militar era problemática há muitos anos, por causa da prostituição e da venda de drogas nas proximidades. Além disso, o equipamento público estava abandonado, com alambrados e telhados quebrados e quadra esportiva destruída. A decisão de retomar o controle público da área para construir a nova sede do TG foi a mais acertada possível, uma vez que o exército passa a marcar presença e a garantir tranquilidade para os moradores do Maria Luiza.

Poupatempo A Prefeitura de Jahu prepara agora a chegada do Poupatempo, uma vez que o antigo prédio do TG vai ser transformado para oferecer dezenas de serviços. “O prédio onde estava o Tiro de Guerra começa a se transformar na sede do Poupatempo. A obra está licitada e homologada. Estávamos somente aguardando a inauguração e a transformação para poder dar a ordem de serviço para a empresa começar as obras do maior centro de prestação de serviços públicos da nossa região que conquistamos para a cidade de Jaú”, falou o prefeito.

A Prefeitura de Jahu disponibiliza um prédio próximo em área nobre, perto do centro da cidade e com estacionamento para mais de 100 veículos na frente. A obra do Poupatempo teve como vencedora a empresa a AEX – Active X Engenharia Eireli, que vai transformar o velho Tiro de Guerra no moderno Poupatempo, construindo praticamente um novo prédio para atender à população, uma vez que somente a fachada será preservada. O investimento é de R$ 2.462.491,99.

 

 

 

Histórico do Tiro de Guerra de Jaú

O Tiro de Guerra 02-019-Jaú foi criado em 31 de outubro de 1945, mas já iniciava seus trabalhos desde o ano de 1927.

Funcionou inicialmente na Rua Tenente Lopes, onde hoje se encontra o Sindicato Rural. Depois se mudou para o prédio da Rua Marechal Bittencourt nº. 571. Por fim, em agosto de 1962, foi transferido para a Rua Cônego Anselmo Walvekens nº. 434

O Tiro de Guerra de Jaú já formou mais de 9.900 Atiradores até a presente data e a sua principal finalidade é preparar o Reservista de 2ª Categoria do Exército Brasileiro, apto a atuar dentro do território nacional em missões de guarda territorial e de defesa civil.

Participa de diversas campanhas como de vacinação, de doação de sangue,  de coleta e distribuição de alimentos e de agasalhos. A instrução militar do Tiro de Guerra permite que o Atirador fique em dia com suas obrigações militares sem ter que se afastar do convívio familiar, conciliando os estudos e o trabalho, criando nos jovens noções básicas de responsabilidade, cumprimento de horários, hierarquia e disciplina. Tem como lema: Tiro de Guerra: Escola de Civismo e Cidadania.

Atualmente o diretor do Tiro de Guerra é Rafael Agostini, Prefeito de Jaú.

 

Tem como instrutores o Subtenente DARCILIO Carvalho Santana e o 1º Sargento José Ricardo PEPATO, sendo que o primeiro é o Chefe da Instrução.

 

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia

Prefeitura Municipal de Jahu - Rua Paissandu, 444 - Centro - CEP: 17201-900 - Telefone: (14) 3602-1777

© Todos os direitos reservados - Prefeitura Municipal de Jahu | BiG DESiGNER