Jaú, Segunda-Feira - 25/09/2017

..........................

Festival Literário Hilda Hilst tem debate de escritores, companhia de dança e cordel de poesias


O 3º Festival Literário Hilda Hilst prossegue com atrações de quinta-feira a sábado. Na programação está o Café Literário nesta quinta-feira, quando escritores vão debater a obra de Guilherme de Almeida. Na sexta-feira tem apresentação de dança no Teatro Municipal. No sábado, as atrações serão no Sábado na Praça, com apresentação musical, feira de artesanato e cordel de poesias.

 

2 de outubro - quinta-feira

Museu Municipal

Café Literário - Guilherme de Almeida

Academia Jahuense de Letras

O 3º Festival Literário Hilda Hilst de Jahu tem prosseguimento quinta-feira (2 de outubro), com evento voltado à obra do escritor Guilherme de Andrade e Almeida no Museu Municipal José Raphael Toscano às 20h. Organizado pela Academia Jahuense de Letras o Café Literário vai reunir escritores e leitores interessados na obra do escritor que nasceu em Campinas, em 24 de julho de 1890.

A professora Maria Heloísa Martins Dias, nascida em Jaú e doutora em Literatura Portuguesa pela USP participará do evento. É filha do patrono da Academia Jahuense de Letras Enéas Dias Martins, um dos grandes poetas que por aqui andou.

Desde 1992 atua como docente na Unesp, Campus de São José do Rio Preto, onde ministra cursos de LITERATURA PORTUGUESA e TEORIA LITERÁRIA na graduação e pós-graduação.

No campo da produção científica vem desenvolvendo projetos de pesquisa e realizando  publicações cuja temática envolve, principalmente,  a  LITERATURA COMPARADA e o DISCURSO POÉTICO.

Premiada  pela FUNDAÇÃO BRASIL-PORTUGAL pelo ensaio: Fernando Pessoa: um interlúdio  textual(1884)

Pela FUNDAÇÃO CULTURAL DO ESTADO DA BAHIA pelo romance de ficção juvenil Casa, Família & Cia. (1996).

 

3 de Outubro – sexta-feira

3º FESTIVAL LITERÁRIO HILDA HILST

Cia Estável de Dança Bauru/SP                                    

Espetáculo: Frida

Teatro Municipal - 19h00

A Companhia Estável de Dança de Bauru (SP) comemora três anos de sua criação e traz para Jaú nesta sexta-feira (3) a apresentação do novo espetáculo “Frida”, no Teatro Municipal Elza Munerato.

Com objetivo de despertar nos jovens o gosto, a sensibilidade e a prática da dança, o espetáculo também busca democratizar o acesso ao ensino da dança na cidade ao integrar a participação de artistas de dança da cidade.

O grupo conta com onze bailarinas, com idades entre 14 e 21 anos. O elenco cumpre jornada de 20 horas semanais de estudos práticos e ensaios, sob coordenação do professor Sivaldo Camargo.

A Companhia estreia a coreografia de dança contemporânea “Frida”, de Arilton Assunção, com duração de 50 minutos. Arilton é diretor artístico da Cia Faces Ocultas, com trajetória em diversos lugares do mundo.

A entrada para o espetáculo é gratuita.

A Cia. Estável de Dança de Bauru realizará ainda nesta sexta-feira (3) um workshop de dança comtemporânea para dançarinos da cidade de Jahu. As inscrições podem ser feitas gratuitamente pelo telefone: (14) 3602-4777.

 

Frida Kahlo

Foi uma das personagens mais marcantes da história do México. Patriota declarada, comunista e revolucionária Frida Kahlo, como ficou conhecida, teve uma vida de superações e sofrimentos que refletidos em sua obra a tornaram uma das maiores pintoras do século.

Nascida em 6 de julho de 1907 em Coyoacan, México, filha do famoso fotógrafo judeu-alemão Guillermo Kahlo e de Matilde Calderon y Gonzales, mestiça, Frida sempre foi apaixonada pela cultura de seu país e adorava tudo que remetesse às tradições mexicanas. Fato que ela sempre fazia questão de demonstrar em sua maneira de se vestir e em seu trabalho ao incluir elementos da cultura popular.

Em seu diário, publicado em 1995 e traduzido para diversas línguas, e em sua autobiografia publicada em 1953, Frida deixou registradas suas dores e sobretudo suas frustrações pela infidelidade do marido, por quem era extremamente apaixonada, e pela impossibilidade de ter filhos. Toda sua obra, constituída majoritariamente por auto-retratos reflete essa condição.

Workshop de Dança Contemporânea

 

4 de Outubro - sábado

3º FESTIVAL LITERÁRIO HILDA HILST

Cordel de Poesias

Sábado na Praça com Renan Rodrigues e Ney Moraes

Praça Ettore Suriano - 10h

A Prefeitura Municipal de Jaú, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo realiza neste sábado (4) o Sábado na Praça com diversas atrações. A programação tem início às 10h com a dupla jauense Renan Rodriguês e Ney Moraes.

Especialmente durante o mês de outubro os eventos culturais do Sábado na Praça receberão o complemento da Poesia. O 3º. FESTIVAL LITERÁRIO HILDA HILST promovido pela Prefeitura Municipal de Jahu, junto com artistas e poetas jauenses disponibilizará um varal onde as pessoas que estarão participando do evento serão convidados a escrever, declamar ou expor suas poesias. Com o intuito de divulgar a arte poética e incentivar a escrita o evento voltado para população se baseia em experiência de sucesso realizada durante a Virada Ambiental, promovida pela FATEC/Jahu.

Feira de artesanato

A Feira de artesanato tem aproximadamente 35 barracas variadas, são elas : tricô, crochê, sabonetes artesanais, ponto cruz, arte em tela, chinelos bordados, vagonite, rasteiras, decoupage, cabaças, bijuterias de papel, biscuit , artesanato com recicláveis, artesanato em couro (bolsas e acessórios), entre outros.

 

 

ROCKIDS (CANCELADO)

Organizadores do evento Rockids cancelaram a realização do evento por problemas de produção.

 

CINEMA

De 2 a 3 de outubro

Cinema Municipal - 20h

GODZILLA

Joe Brody (Bryan Cranston) criou o filho sozinho após a morte da esposa (Juliette Binoche) em um acidente na usina nuclear em que ambos trabalhavam, no Japão. Ele nunca aceitou a catástrofe e quinze anos depois continua remoendo o acontecido, tentando encontrar alguma explicação. Ford Brody (Aaron Taylor-Johnson), agora adulto, é soldado do exército americano e precisa lutar desesperadamente para salvar a população mundial - e em especial sua família - do gigantesco, inabalável e incrivelmente assustador monstro Godzilla.

Legendado - 14 anos


3 de outubro

Cinema Municipal - 14h

KHUMBA

 

Khumba é uma pequena zebra que nasce com a metade do corpo sem listras. O animal logo sofre o preconceito de todos ao redor, e segundo uma lenda local, o seu nascimento é responsável pela falta de chuva na região. Para tentar remediar este grande problema, Khumba decide partir em uma viagem solitária pela savana africana, para encontrar um lago mágico capaz de restituir as listras que lhe faltam, trazendo de novo a chuva ao seu povo. No caminho, ele encontra outros animais com traumas pessoais e isolados de seu bando, como uma fêmea gnu, um avestruz e um tigre cego de um olho.

Seja o primeiro a comentar esta notícia

Prefeitura Municipal de Jahu - Rua Paissandu, 444 - Centro - CEP: 17201-900 - Telefone: (14) 3602-1777

© Todos os direitos reservados - Prefeitura Municipal de Jahu | BiG DESiGNER