INSERT command denied to user 'jaudb'@'localhost' for table 'ESTATISTICA_NOTICIA'UPDATE command denied to user 'jaudb'@'localhost' for table 'ESTATISTICA_NOTICIA' Prefeitura Municipal de Jahu

Jaú, Sexta-Feira - 23/06/2017

..........................

Prefeitura traz Orquestra Bachiana Filarmônica a Jaú nesta quinta-feira

(Fotos - Fernando Mucci - Platinum Photoimagem)

 

- Corporação musical é atração no Projeto Jahu Verão, às 20h30, no Teatro Municipal, sob regência do maestro João Carlos Martins

- Convites para o espetáculo serão distribuídos quarta e quinta-feira no Teatro Municipal

- Novidade será a abertura simultânea da sala 2 do Teatro para abrigar mais espectadores

- VEJA PROGRAMAÇÃO DO JAHU VERÃO NESTA SEMANA

 

A Prefeitura de Jahu, por meio da Secretaria de Cultura, Esportes e Turismo, programou dois grandes eventos musicais para esta semana no Projeto Jahu Verão. A noite de quinta-feira (6/02) foi reservada para a apresentação da Orquestra Bachiana Filarmônica sob a regência do maestro João Carlos Martins. A corporação se apresenta às 20h30 no Teatro Municipal Elza Muneratto. No domingo, a recém-criada Jahu Jaz Band mostra pela primeira vez seu repertório ensaiado nos últimos meses.

 O Jahu Verão teve início no dia 18 de janeiro com mais de uma centena de atrações programadas para mais de um mês de projeto. E começou em grande estilo com show ao ar livre no Parque do Rio Jaú dos cantores Marcelo Nova e Kid Vinil. Música, cinema, teatro, passeios pelo patrimônio, caravana de brinquedos e brincadeiras e outras atividades compõem a programação em todas as regiões da cidade.

 Um dos momentos mais aguardados pelo jauense é a apresentação da Orquestra Bachiana Filarmônica, nesta quinta-feira – a entrada é franca, mas devido à capacidade do teatro a Secretaria de Cultura está distribuindo convites antecipadamente nesta quarta-feira e quinta-feira no próprio teatro – das 8h30 às 11h e das 13h às 17h ou até o término dos convites. O número de convites é limitado a dois por pessoa, mediante apresentação da Carteira de Identidade

O prefeito Rafael Agostini fala sobre a política de incentivar o acesso à música clássica para toda a populçação. “A Prefeitura de Jahu está trazendo essa belíssima atração cultural, que é a Orquestra Bachiana Filarmônica, num projeto que faz parte da nossa política pública que tem objetivo de incentivar a difusão da música clássica, de graça, para todos os públicos. Nós trouxemos no fim de 2013 a Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto, que já tínhamos trazido para se apresentar no Festival de Inverno. Agora, estamos trazendo a Orquestra Bachiana, que é regida pelo maestro João Carlos Martins, uma personalidade da música clássica brasileira e de repercussão internacional.”

Rafael convida a todos para o espetáculo desta quinta-feira “Nosso governo vem fazendo um esforço bastante significativo com o intuito de oferecer para todas as classes sociais e para todas as pessoas a oportunidade de acesso à música clássica. A gente convida todo mundo para acompanhar e conhecer esse trabalho da Orquestra Bachiana Filarmônica e do maestro João Carlos Martins.

O secretário de Cultura, Hamilton Chaves, destaca o ineditismo de se utilizar as duas salas do teatro para o público nesta quinta-feira. A sala 2 do teatro (aos fundos da cortina) também será aberta para abrigar os espectadores – são mais de 100 lugares no ambiente inaugurado em 2013 após adaptações feitas pela Prefeitura de Jahu. Desta forma, a orquestra vai ficar rodeada de público.

“Pela primeira vez vamos abrir os dois ambientes do Teatro Municipal: a platéia convencional e a sala 2, que foi aberta atrás do palco onde ocorrem as formaturas. Colocamos cadeiras no local e disponibilizamos aquele espaço para que as pessoas possam acompanhar a Orquestra Bachiana sob uma perspectiva mais intimista”, ressalta o prefeito Rafael Agostini.

 

Maestro João Carlos Martins
O maestro João Carlos Martins se eleva a um patamar raramente alcançado por outros músicos brasileiros no século XX. Considerado um dos maiores intérpretes de Johann Sebastian Bach, teve como um dos pontos altos de sua carreira a gravação da obra completa para teclado deste gênio da música. Logo após, devido a problemas físicos, teve que abandonar a carreira de pianista, canalizando para a regência sua paixão pela música.

Bachiana Filarmônica SESI SP
A qualidade dos músicos da Bachiana Filarmônica, selecionados entre as melhores orquestras brasileiras, tem sido elogiada pelo mundo afora. São profissionais que fazem questão de aprimorar seu talento com trabalho e estudo. Assim, a orquestra, fundada em 2004, não tardou a ganhar o merecido reconhecimento. Após sete temporadas em que se apresentou pelo Brasil, encantou o público americano com cinco atuações de gala sendo duas no Carnegie Hall em 2007 e 2008 e três no Lincoln Center em 2009, 2010 e 2011 - NY.

 


Repertório:

P. Mascagni

Intermezzo

 

 J. Haydn

Sinfonia Surpresa

Andante

 

 L. V. Beethoven

Sinfonia nº 05 em Dó Menor

Scherzo Allegro - Trio Scherzo

Allegro - Presto 

 

João Carlos Martins ao piano:

 

W. A. Mozart

Concerto nº 21

Adagio

 

Astor Piazzolla

Adios Nonino

 

Ennio Morricone

Cinema Paradiso

 


 

Saiba mais

Orquestra Bachiana Filarmônica

 

A Orquestra Bachiana é, sem dúvida alguma, a grande novidade destes últimos anos no meio musical brasileiro. Uma orquestra da iniciativa privada que levou a música clássica a todos os segmentos da sociedade no Brasil de norte a sul e de leste a oeste com músicos de primeira qualidade sob a regência do maestro João Carlos Martins.

O termo Bachiana remete à riqueza musical do Brasil, através de uma homenagem ao imortal maestro e compositor Heitor Villa-Lobos, autor da célebre Bachianas Brasileiras, e a Johann Sebastian Bach. Seu principal selo de qualidade é o maestro João Carlos Martins, que teve de abandonar sua consagrada carreira de pianista por problemas físicos, e canalizou para a regência sua paixão pela música e pela obra de Bach. Além de ser um dos idealizadores da iniciativa, João Carlos Martins é o diretor da orquestra.

O alto nível e a abnegação de seus músicos é que dão movimento ao projeto. Com formação no Brasil, e também no exterior, eles constituem a nata da música erudita brasileira e encaram o ofício imbuídos da paixão pela música.

Em dezembro de 2004 a orquestra gravou seus dois primeiros CDs, que contém as Quatro Suítes Orquestrais de Bach, e tiveram lançamento internacional em 2005. E o som da Bachiana já ecoa por todos os cantos do Brasil. Sua estréia, em 27 de outubro de 2004 na Sala São Paulo foi um enorme sucesso. A Temporada de 2005 também teve êxito total com apresentações inéditas no Teatro Cultura Artística, onde o maestro regeu a orquestra acompanhada de cinco grandes pianistas brasileiros.

 

Outras apresentações foram, realizadas na Capital Paulista, pelo interior do Estado de São Paulo e outras cidades pelo Brasil afora como Curitiba, Fortaleza, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Petrópolis e Juiz de Fora. Em 2006 a Bachiana passou a ser uma orquestra filarmônica e na sua temporada no Teatro Cultura Artística foi um grande sucesso.

Em janeiro de 2007 a Orquestra Bachiana levou 2.800 pessoas ao Carnegie Hall em Nova York, que sob a regência de João Carlos Martins realizou um concerto em defesa da Floresta Amazônica. E repetiu o mesmo sucesso em maio de 2008. Estes concertos foram denominados respectivamente “The One Dollar Concert” e “The Two Dollars Concert”, o que, além de despertar enorme interesse na imprensa norte-americana e brasileira, chamou a atenção do público em geral e resultou em contribuições efetivas para vários projetos de conscientização e conservação ambiental.

No dia 2 de outubro de 2009, a Bachiana Filarmônica fez sua primeira apresentação no Lincoln Center em Nova York num concerto em homenagem ao cinquentenário da morte de Villa-Lobos e a J.S. Bach. Teve como solista o legendário jazzista Dave Brubeck, que aos 89 anos executou Brandenburg Gate, peça que compôs em homenagem a J.S.Bach, sob a regência de João Carlos Martins.

Em 2010 a Bachiana Filarmônica e a Bachiana Jovem se fundiram, e passaram a ter a denominação de Bachiana Filarmônica SESI-SP. 

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia

Prefeitura Municipal de Jahu - Rua Paissandu, 444 - Centro - CEP: 17201-900 - Telefone: (14) 3602-1777

© Todos os direitos reservados - Prefeitura Municipal de Jahu | BiG DESiGNER