Jaú, Sábado - 24/06/2017

..........................

Prefeitura entrega mais 32 casas no Jaú M

A Prefeitura Municipal de Jahu, por meio da Secretaria de Habitação e Subprefeitura do Distrito de Potunduva, juntamente com a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), realizou na tarde de 16/12 sorteio de localização e assinatura de contrato de mais 32 unidades do conjunto habitacional Jaú M. Em seguida, ocorreu a entrega de chaves no local do empreendimento.

“Nós, este ano, tivemos um desafio muito grande, que era colocar as contas do Município em dia e retomar os investimentos que a cidade necessita. E tomamos a decisão que, à medida que fossemos cumprindo com os compromissos, iniciássemos os investimentos pela área habitacional, pois não existe nada mais importante para os pais que dar proteção e segurança aos filhos. Resolvemos priorizar em nossa administração a retomada e término de todas as obras habitacionais que estavam paralisadas ou com problemas. E muitos dos conjuntos habitacionais em Jaú estavam há 12 anos com problemas burocráticos, com entraves e vandalismo.  Hoje mais 32 famílias saem da favela para iniciar uma nova fase em suas vidas”, reforçou o prefeito Rafael Agostini em sua fala.

Em 2013, a Prefeitura terminou as casas que estavam com obras paralisadas, reconstruiu casas que tinham sido vandalizadas, instalou toda a parte de telhado, janelas e telhas, regularizou calçadas, realizou serviço de terraplanagem e concluiu o trabalho de acabamento, pintura e ligação da energia elétrica dos postes de iluminação pública e também da energia elétrica das casas.

Além disso, a Prefeitura também conseguiu junto ao governo do Estado de São Paulo aproximadamente R$ 435 mil para iniciar as obras do sistema de tratamento de esgoto dessa região.

Segundo a CDHU, o contrato é um documento do mutuário, e nele constam os direitos e deveres de cada família, como, por exemplo, a quitação da prestação.

Uma família com renda mensal de um salário mínimo pagará parcela no valor de R$ 101,70, sendo que a primeira parcela vence em 30 dias. A quitação total da casa ocorre após 25 anos (300 meses), sendo que o mutuário não pode alugar, vender, ceder o imóvel para outra pessoa ou instalar comércio na residência. Ela é exclusiva para moradia da família, sendo que o mesmo pode ser retomado por parte da CDHU após constatação de uso impróprio.

Para a ligação da água, após o morador efetuar a compra de seu hidrômetro, o Serviço de Água e Esgoto do Município de Jaú (Saemja) fará a instalação gratuitamente.

As casas do Jaú M são para o desfavelamento das favelas Baiano da Bomba e Colônia da Fepasa, localizadas no Distrito de Potunduva. Nesse conjunto habitacional, já foram entregues em outubro 15 casas, totalizando, desta forma, 47 unidades entregues no Jaú M.

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia

Prefeitura Municipal de Jahu - Rua Paissandu, 444 - Centro - CEP: 17201-900 - Telefone: (14) 3602-1777

© Todos os direitos reservados - Prefeitura Municipal de Jahu | BiG DESiGNER