INSERT command denied to user 'jaudb'@'localhost' for table 'ESTATISTICA_NOTICIA'UPDATE command denied to user 'jaudb'@'localhost' for table 'ESTATISTICA_NOTICIA' Prefeitura Municipal de Jahu

Jaú, Quarta-Feira - 23/08/2017

..........................

Programação cultural da semana tem diversas atrações

9 de outubro - Quarta-feira

3ª Mostra Epifania de Cultura e Arte

Local: Teatro Municipal Elza Muneratto - 20h

NOEL, QUEM NASCE LÁ NA VILA”

Gênero: Drama/Musical

Autoria: Dora Girelli

Direção: Dora Girelli

Duração:  90 minutos

Realização: Grupo de Teatro Abertura e Quintas Culturais-USC

Esta peça é uma homenagem que a autora Dora Girelli esta fazendo ao grande poeta Noel Rosa, pois Dora também nasceu em Vila Izabel, subúrbio do Rio de Janeiro. Conta a autora que sua mãe, que também era carioca, cantava as músicas de Noel quando ela era criança, e foi assim que a autora nasceu ouvindo várias músicas de Noel em sua infância e juventude.

Hoje, Noel é conhecido em todo o Brasil, graças a intérpretes famosos que regravaram suas músicas, muitas de carnaval, mas não sabiam que eram de Noel. Além dessas regravações foram feitos filme e shows para TV sobre sua vida.

Noel era o filósofo da Vila, o poeta dos botequins, o mulherengo, trocava o dia pela noite nas companhias de amigos e sambistas do morro, fumando e bebendo sem controle.

Rapaz de classe média cursava faculdade de medicina e tinha uma vida tranquila, mas resolveu trocar tudo pela boemia. Morreu de tuberculose ainda jovem em 1937, mas deixou grandes obras musicais que continuam fazendo sucesso até hoje. Na peça, serão apresentadas várias músicas de seu repertório, além do desafio musical entre ele e o sambista Wilson Batista.

O texto não conta a vida cronológica de Noel, mas características de seu comportamento através de suas músicas e maneira de viver em seu cenário predileto: O botequim.

Em Vila Izabel as calçadas tem esculpidas em pedras portuguesas as notas musicais de suas principais composições, além de um monumento de bronze em uma praça representando uma mesa de bar onde ele viveu grande parte de sua vida.

Essa homenagem de Dora Girelli ao seu conterrâneo de bairro Noel Rosa.

Dados do grupo: Fundado desde 1986 por Dora Girelli, o grupo é formado por estudantes e voluntários com o objetivo de levar cultura, diversão e mensagens positivas e educativas à sociedade.

 

 

11 de outubro - Sexta-feira

3ª Mostra Epifania de Cultura e Arte

Local: Teatro Municipal Elza Muneratto - 20h

“A Morte Bate a Porta”

Sinopse: Em uma noite, Natanel (Miranda) está em sua casa descansando e lendo seu jornal quando, literalmente, a morte bate a sua porta. De frente para um destino que nunca imaginou, ele tentará de todas as formas adiar seu desfecho trágico e, à medida que a noite avança, diversas situações surgem. 
A Morte (Pizzolio) se vê envolvida em um hilário jogo de vida ou morte com consequências arrebatadoras. O texto original da peça é do cineasta Woody Allen.

Elenco: Gustavo Pizzolio (Morte) e Jeferson Miranda (Natanael)

Direção: Ronaldo Miranda

Iluminação e sonoplastia: Mônica Oseliero Mattielo

Produção: Grupo Teatral Epifania

 

12 de Outubro - Sábado

Sábado na Praça

Local: Praça da República - 9h às 17h

Feira de Artesanato barracas variadas de tricô, crochê, sabonetes artesanais, ponto cruz, arte em tela, chinelos bordados, vagonite, rasteiras, decoupage, cabaças, bijuterias de papel, biscuit , artesanato com recicláveis, artesanato em couro (bolsas e acessórios), entre outros.

 

3ª Mostra Epifania de Cultura e Arte

Local: Teatro Municipal - 20h

“Circo Vox – Nostalgia” (Circuito Cultural Paulista)

O Circo

O Circo Vox teve sua lona montada na Zona Sul de São Paulo durante sete anos, período em que manteve sua escola de Circo e apresentou 5 espetáculos diferentes, entre os sete de seu repertório. Também contribuiu para a formação de novos artistas e criação de espetáculos de outros grupos promovendo mostras de vídeos e disponibilizando seu espaço para ensaios e treinos dessas companhias.

Nostalgia

Nostalgia é um espetáculo que resgata a magia dos primeiros circos que se apresentaram no Brasil, quando os artistas circenses eram ainda as estrelas de televisão que, de tempos em tempos, se instalavam nas cidades transformando suas rotinas e muitas vezes o destino de seus habitantes. Este projeto teve apoio da Secretaria de Estado da Cultura e governo do Estado de São Paulo com o Programa de Incentivo ao Teatro Paulista 2008 e foi patrocinado pela Sabesp.

Para relembrar estes momentos o Circo VOX pesquisou histórias verídicas de artistas que viveram a  época de ouro do circo, livros e vídeos que marcaram a trajetória do Circo no Brasil.

O Espetáculo Nostalgia conta com números de técnicas tradicionais apresentados no estilo contemporâneo, além de música ao vivo, dança e humor sempre característico do grupo.

Indicação: famílias com crianças acima de sete anos

Duração: 1h30

Elenco: Biah Carfig, Elena Cerântola, Gallo Cerello, Fernando Zuben, Tatiana Ubinha, Mateus Bonassa, Gui Bressane, Gustavo Esteves, Adine Bardini e Tania Oliveira.

Livro “NOSTALGIA”

O livro Nostalgia é o complemento do espetáculo homônimo realizado em 2010 pelo Circo Vox com o patrocínio da Sabesp e do governo do Estado de São Paulo.
Tivemos vontade de saber um pouco mais sobre nossos mestres depois de um espetáculo que fizemos para um público de terceira idade. Nessa noite, alguns senhores vieram nos cumprimentar e começaram a contar histórias sobre como era o Circo em sua cidade, seus amores platônicos pelos trapezistas, alguns até fugiram por um tempo com o Circo, outros se perguntam até hoje se não deviam ter fugido.

Isso nos inspirou a falar um pouco mais do Circo Tradicional e seus artistas, por isso pesquisamos algumas histórias e montamos o Espetáculo e o livro Nostalgia como uma forma de homenagear esses artistas que durante muitos anos inspiraram seu público e hoje vivem no anonimato.

Uma coletânea de entrevistas com artistas experientes que viveram o auge do Circo Tradicional no Brasil. Um livro despretensioso, de leitura leve e dinâmica, que busca informar e ampliar a visão do público sobre a realidade circense dos anos 50 aos 70.

São personagens reais com histórias fantásticas que poderiam hoje facilmente passar despercebidos, se o Circo Vox não sentisse tanta Nostalgia dessa época que nem viveu.

 

 

13 de outubro Domingo

Local: Estação do Som 10h

“Estasom Rock”

Nova edição do encontro de rock organizado pelo grupo Guardiões Originários, com o tema HELLOWEEN, o grupo prepara a partir da manhã moto point, bandas de rock, bar e praça de alimentação. Nesta edição quem for fantasiado poderá concorrer a prêmio de melhor fantasia. O evento premiará ainda moto clubes, o som do mais velho rock in roll. A entrada é 1 kg de alimento não perecível ou R$ 5,00.

 

3ª Mostra Epifania de Cultura e Arte

Local: Teatro Municipal Elza Muneratto 15h

“Os Saltimbancos”

Sinopse: Quatro animais fogem de seus lares por causa de maus-tratos. No caminho encontram quatro crianças e decidem montar um grupo musical. É essa a história de Os Saltimbancos, que será encenada e cantada no Teatro Municipal Elza Muneratto. A peça é considerada um musical, pois 80% de seu conteúdo é cantado. Inspirada no conto dos irmãos Grimm dois alemães que fizeram várias fábulas infantis Os Músicos de Bremem, o musical possui músicas do cantor e compositor Chico Buarque. Musical Infantil Recomendação Livre

 

 

3ª Mostra Epifania de Cultura e Arte – 20h

“Pluft - O Fantasminha”

A peça conta a história do rapto da Menina Maribel pelo cruel e ridículo Pirata Perna-de-Pau. O vilão esconde a menina no sótão de uma velha casa abandonada, onde vive uma família de fantasmas: a Mãe, que faz deliciosos pastéis de vento e conversa ao telefone com Prima Bolha; o fantasminha Pluft, que nunca viu gente; Tio Gerúndio, que passa o dia inteiro dormindo dentro de um baú; e Chisto, o primo aviador que surge apenas no final para fazer um salvamento espetacular da menina. A trama se concentra na procura do tesouro do avô da menina, o Capitão Bonança, que morreu no mar deixando lá no fundo a sua herança. Mas a grande chave da poesia teatral criada pela autora é a amizade que surge entre a Menina Maribel e o Fantasminha Pluft. Os momentos de comicidade ficam por conta dos amigos de Maribel, o trio clownesco João-Julião-Sebastião, que vai a sua procura para salvá-la.

Encenada pela Pallco´s Jaú conta com um elenco jovem de revelações resultado das oficinas de teatro realizadas pelo grupo no Museu Municipal Rafael Toscano.

Infantil  - Recomendação: Livre.

 

 

CINEMA

10 a  13 de outubro - Quinta a domingo

3ª Mostra Epifania de Cultura e Arte

Local: Cinema Municipal - 20h

Filme: “FAROESTE CABOCLO”

João (Fabrício Boliveira) deixa Santo Cristo em busca de uma vida melhor em Brasília. Ele quer deixar o passado repleto de tragédias para trás. Lá, conta com o apoio do primo e traficante Pablo (César Troncoso), com quem passa a trabalhar. Já conhecido como João de Santo Cristo, o jovem se envolve com o tráfico de drogas, ao mesmo tempo em que mantém um emprego como carpinteiro. Em meio a tudo isso, conhece a bela e inquieta Maria Lúcia (Ísis Valverde), filha de um senador (Marcos Paulo), por quem se apaixona loucamente. Os dois começam uma relação marcada pela paixão e pelo romance, mas logo se verá em meio a uma guerra com o playboy e traficante Jeremias (Felipe Abib), que coloca tudo a perder.

Recomendação: 16 anos

 

12 e 13 de outubro - Quinta a domingo

3ª Mostra Epifania de Cultura e Arte

Local: Cinema Municipal - 14h

“Oz: Mágico e Poderoso”

Sinopse: Oscar Diggs (James Franco) trabalha como mágico em um circo itinerante, é bastante egoísta, mas é seu envolvimento com mulheres que o acaba levando para uma mágica aventura na Terra de Oz. Chegando lá, ele conhece a bruxa Theodora (Mila Kunis), que o apresentar para a irmã Evanora (Rachel Weisz). Acreditando que estaria fazendo um bem para a população local, ele decide enfrentar a bruxa Glinda (Michelle Williams), mas descobre que ela lembra um amor do passado e seu comportamento em nada se assemelha ao de alguém realmente malvado. Dividido entre saber quem é do bem e quem é do mau, Oscar se depara com um lugar rico em belezas, cheio de riquezas, estranhas criaturas e também mistérios. Vivendo este conflito, o ilusionista vai usar sua criatividade para salvar o tranquilo povo de Oz das garras de um poderoso inimigo. Para isso, contará com a inusitada ajuda de Finley, o macaco alado, e uma menina de porcelana.

Dublado - Recomendação: 9 anos

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia

Prefeitura Municipal de Jahu - Rua Paissandu, 444 - Centro - CEP: 17201-900 - Telefone: (14) 3602-1777

© Todos os direitos reservados - Prefeitura Municipal de Jahu | BiG DESiGNER