INSERT command denied to user 'jaudb'@'localhost' for table 'ESTATISTICA_NOTICIA'UPDATE command denied to user 'jaudb'@'localhost' for table 'ESTATISTICA_NOTICIA' Prefeitura Municipal de Jahu

Jaú, Quinta-Feira - 27/04/2017

..........................

Circuito SESC de Artes vai ter 6 atrações em Jaú no sábado

Prefeitura de Jahu e SESC levam à Praça Siqueira Campos teatro, circo, música e intervenções culturais com o público

Na mesma coletiva também foi apresentado o Festival Caipira de Jahu, de 21 a 23 de junho

  

A Prefeitura de Jahu em parceria com o SESC-SP e a Secretaria de Cultura, Esportes e Turismo levam ao público jauense um dia especial com diversas atrações culturais. Jaú recebe no sábado, dia 15 de junho, o Circuito Sesc de Artes das 17h30 às 21h30 na Praça Siqueira Campos (praça da matriz). Serão seis atrações, com três intervenções artísticas com os espectadores e ainda apresentações de teatro, circo e música. Serão cerca de 30 artistas atuando em Jaú.

O Circuito SESC de Artes percorre 102 cidades do interior, litoral e Grande São Paulo neste ano. Entre os dias 7 a 23 de junho, sendo que o roteiro incluiu Jaú no dia 15 e as vizinhas Ibitinga (dia 14) e Boa Esperança do Sul (dia 16). Dois Córregos também recebe o Circuito no dia 15, mas com outro roteiro.

O circuito conta com a participação de 347 artistas, divididos em 12 roteiros diferentes. Cada cidade contemplada recebe uma intensa programação artística composta por atividades de circo, dança, música, teatro, cinema e vídeo. A Prefeitura cede o local para apresentação e o SESC os artistas e a estrutura.

Artistas de diversas partes do país e da América Latina intervêm nos espaços públicos, apropriando-se de suas ruas, praças, parques e teatros, com o intuito de promover uma suspensão no cotidiano das cidades, criar um diálogo com o cidadão e provocar os seus sentidos.

A programação começa com as intervenções “Autológico”, “Construssim” e “Transcendentidade”. Depois prossegue com a peça de teatro “A Procissão”, a apresentação circênica “Circo Di Due” e o show musical com banda premiada. No encerramento o destaque é a apresentação da banda Vanguart, do Mato Grosso. A banda foi a melhor do Video Music Brasil (VMB) de 2012 e mostra as músicas do premiado álbum “Boa parte de mim vai embora”.

A diretora de Comunicação do SESC/Araraquara, participou da entrevista coletiva e falou da importância de “levar trabalhos artísticos de outras localidades para essas cidades onde o Circuito vai se apresentar.  E através disso formar novas platéias. Todo os habitantes dessas cidades terão a possibilidade de conhecer trabalho de grupos artísticos diversos, que talvez , se não fosse pelo Sesc com apoio das Prefeituras não tivessem essa oportunidade”.

O prefeito Rafael Agostini comentou a parceria entre a Prefeitura e o Sesc e a oportunidade de promover a cultura em diferentes formas e locais em Jaú. Lembrou das seis atrações gratuitas para a população e o fato de cerca de 30 artistas estarem atuando na cidade. “É uma satisfação muito grande estar recebendo esse Circuito Sesc de Artes em nossa cidade”, finalizou, enaltecendo o fato de a praça estar “recheada de atrações de primeira linha”.

 

As atividades do Circuito Sesc de Artes são para todas as idades e têm acesso gratuito

Em Jaú: 15/6/2013 - Sábado - Das 17h30 às 21h30

Praça Siqueira Campos (praça da igreja matriz)

 

PROGRAMAÇÃO DO CIRCUITO SESC DE ARTES EM JAÚ

 

Autológico - Coletivo Unsquepensa Arte (SP)

A ideia é simples: vender concentração, lógica e raciocínio, por zero real e nenhum centavo. O Coletivo Unsquepensa cria performances de raciocínio e promove a interatividade entre as pessoas. O Autológico parece um carro de guloseimas, mas oferece às pessoas jogos de desafio como tangram, torre de hanói, jogo da velha e caixa de pandora . Já promoveu diversas partidas multiplayer off-line, entre desconhecidos, crianças, adultos, casais e famílias. O desafio entregue a uma pessoa logo atrai a atenção e a participação de outras, que se dispõem a ajudar na solução do problema.

Produção e pilotagem: Fernando Machado, Nanda Ribeiro, Mazzon Gil, Marcela Barbosa e Conrado Checchi

 

Construssim - Coletivo Zebra 5 (SP)

O Zebra 5 é um coletivo de educadores que utiliza jogos de palavras como elementos de aprendizado, reunindo criatividade, narrativa, fantasia e colaboração, sempre relacionando jogo e expressão artística. No Construssim, monta-se um ateliê lúdico aberto, com canos coloridos, conexões e letras adesivadas, formando palavras. O desafio começa com três palavras – verbo, substantivo e adjetivo – e a partir delas as pessoas são convidadas a compor novos desafios, compondo interações em diferentes níveis, de acordo com a disponibilidade do público. É o que o coletivo chama de poesia das conexões, que pode se desenvolver com várias pessoas ao mesmo tempo.

Participantes: Alberto Tembo, Auber Bertinelli, Christiane Coutinho, Stella Ramos e Thelma Löbel.

 

Transcendentidade - Projeto Matilha (SP)

Um jogo de baralho é o ponto de partida para encontros e discussões sobre o tema Identidade. Os jogadores têm de encontrar as cartas com dizeres que reproduzam suas características para colocá-las em jogo. Ao redor da mesa, os jogadores dividem ideias, opiniões, histórias e memórias. Trabalho baseado no conceito de estética relacional de Nicolas Bourriaud, Transcendentidade já foi realizado em mostras do Sesc de São Paulo e no Inventário de Gestos do Rio de Janeiro. O Projeto Matilha dedica-se a projetos de arte com foco na coletividade que resultam em ações urbanas, intervenções poéticas, performances, vídeos e oficinas.

Artistas propositores: Fafi Prado e Pedro Guimarães.

 

A Procissão - Gero Camilo (SP)

O monólogo de Zé, um contador de histórias que participa de uma romaria. Entre velas e lampiões, com serenidade, ele fala sobre a sobrevivência, a fé e a busca do ser humano. Num cenário simples, composto de velas, cruzes e lampiões, a peça caracteriza-se pela poesia e pelo humor, embalados ao som da viola e da percussão, típicas nessas andanças. A Procissão é uma criação de 1998 do cearense Gero Camilo, autor, diretor e ator de teatro e cinema. No cinema, atuou em Bicho de Sete Cabeças (que lhe rendeu prêmios nos festivais de Brasília e de Recife), Cidade de Deus, Carandiru e Narradores de Javé. Na TV, participou de séries como Hoje é Dia de Maria , Som & Fúria e Gabriela.

Texto e direção: Gero Camilo / Elenco: Gero Camilo, Tata Fernandes e Lelena Anhaia.

 

Circo di Due - Teatro do Imprevisto (SP)

Depois de várias tentativas frustradas, os palhaços Tropo Opo Valantaines e Don Ruan da Silva tentam mais uma vez conquistar o público com o Circo di Due, apresentando criativos números circenses e um número muito especial, o da segunda altura. O Grupo Teatro do Imprevisto (GTI) surgiu em São José dos Campos (SP) a partir de uma oficina de montagem teatral e costuma se apresentar na rua e em espaços não convencionais, sempre procurando brincar com elementos do imaginário popular brasileiro e utilizando elementos de teatro de rua, sonoplastia alternativa, commedia dell’arte, bufonaria, narração de histórias, manipulação de bonecos e artes circenses. Direção, roteiro e elenco: Mateus Rosa e Lukas Lima.

 

Vanguart (MT)

O álbum Boa Parte de Mim Vai Embora, de 2011, é a base do show que a banda Vanguart, formada em Cuiabá e radicada em São Paulo, vai realizar no Circuito Sesc de Artes. Depois de se apresentar, em março, no Festival Lollapalooza e de abrir o show de Keane em São Paulo, atualmente a banda, até agora classificada como de folk rock, prepara seu terceiro álbum, que promete ser mais pop e leve. Boa Parte de Mim Vai Embora recebeu o prêmio de melhor álbum de MPB no Dynamite de Música Independente. A banda foi nomeada para o MTV EMA Awards de 2012 e venceu o VMB 2012 na categoria melhor banda.
Músicos: Hélio Flanders (voz principal, violão, gaita e trompete) / Reginaldo Lincoln(voz, baixo) / David Dafré (guitarra, voz) / Luiz Lazzaroto (teclados, voz) / Douglas Godoy (bateria) / Fernanda Kostchak 

 

 

 

FESTIVAL CAIPIRA DE JAHU

 

Uma missa caipira no dia 21 abre o festival no Pouso Alegre de Baixo, local onde terá também feira de artesanato, cavalgada, show musical e disputa entre cantores sertanejos

 

A Prefeitura de Jahu e a Secretaria de Cultura, Esportes e Turismo realizam de 21 a 23 de junho o Festival Caipira 2013, com uma série de atrações concentradas no bairro Pouso Alegre de Baixo. Uma missa caipira no dia 21, com o Coral Nossa Senhora do Patrocínio abre o festival às 20h na Igreja Santa Luzia. No mesmo dia tem ainda o Lançamento Festival Gastronômico, Feira de Artesanato e Quermesse. Fecha a noite o Grupo Viola Cabocla na Associação dos Moradores de Pouso Alegre de Baixo.

No sábado tem apresentação da Quadrilha Municipal Caipira, às 19h, seguido pelo Festival Gastronômico, feira de artesanato e quermesse. O show musical do dia é a banda Comandante Jão. No domingo, às 10h, será realizada a Cavalgada dos Tropeiros na praça da igreja do bairro.  Em seguida tem o almoço caipira e o Festival Caipira a partir das 13h.

O objetivo do Festival Caipira é resgatar, trabalhar e fortalecer a identidade cultural do universo caipira; estimular ações de educação ambiental pela cultura; fortalecer e desenvolver o turismo cultural e gastronômico.

O Festival ocorre fundamentalmente no Bairro do Pouso Alegre. Fundado no século 19, abriga uma igreja e casario com estilo eclético, compondo paisagem bucólica cercada por matas e riachos. A intenção de centralizar o festival no local é resgatar a identidade caipira por intermédio de diversas formas de arte.

 

Programação do Festival

Sexta-feira (21)

20h – Missa Caipira - Coral N. Sra. Do Patrocínio

Abertura oficial do Festival

Local– Igreja Santa Luzia

Sinopse: O Coral Nossa Senhora do Patrocínio nasceu da necessidade de se ter um coral misto para animar as principais solenidades da Liturgia Católica da Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio.

Em janeiro de 2009 foi lançada a idéia e as inscrições para a seleção dos futuros coralistas. As atividades tiveram início em 2 de fevereiro do mesmo ano e sua estréia na Missa da Padroeira Nossa Senhora do Patrocínio no dia 15 de agosto de 2009, que também se comemora o aniversário da cidade de Jaú.

O coral é formado por fiéis de toda comunidade católica jauense e tem por finalidade difundir o canto coral sacro zelando pelo aprimoramento do nível técnico artístico, espiritual e moral da imagem humana, integrando os membros da comunidade católica em geral para promover através do canto em grupo, o crescimento cultural, intelectual e espiritual em seus membros, além de despertar nos ouvintes a elevação de espírito facilitando assim, a oração e o contato com Deus para o desenvolvimento da espiritualidade.

Desde sua criação tem como pianista titular o músico e compositor Antonio Waldemir de Oliveira. A diretora artístico musical titular é a regente e professora especialista Katia Baccarin, que também responde pela orientação técnico-vocal

 

21h – Lançamento Festival Gastronômico

Feira de Artesanato e Quermesse

Sinopse: Comidas típicas e o gostinho já tradicional da comida de Pouso Alegre é uma atração que fisga o publico pelo estômago. A Feira de Artesanato conta com barracas variadas de tricô, crochê, sabonetes artesanais, ponto cruz, arte em tela, chinelos bordados, vagonite, rasteiras, decoupage, cabaças, bijuterias de papel, biscuit , artesanato com recicláveis, artesanato em couro (bolsas e acessórios), entre outros.

21h30. Palco 1: Grupo Viola Cabocla

Local: Associação dos Moradores de Pouso Alegre de Baixo

Sinopse: Em 2004, os músicos Márcio Rocha, André Peres e Lu Mani reuniram-se para uma apresentação no Sarau da Biblioteca Municipal de Araraquara, evento que reuniu vários artistas da região em homenagem ao aniversário de nascimento do cantor Cascatinha, da dupla Cascatinha & Inhana. Após tal fato, convidaram o músico Pedro Vieira e montaram o grupo Viola Cabocla, que com essa formação, deu início a seus shows no Arraial da Solidariedade ao lado de Almir Sater. O grupo já se apresentou em grandes festivais e em diversos lugares pelo Brasil. No espetáculo, intitulado “Do Bagaço à Cana”, o grupo canta os grandes compositores do universo caipira e alguns dos seus mais autênticos herdeiros, além de músicas que marcaram época e influenciaram gerações, como Cana Verde (Tonico e Tinoco), Moreninha Linda (Tonico, Priminho e Maninho), Tristeza do Jeca (Angelino de Oliveira), entre outras.

 


Sábado (22)

19h – Quadrilha Municipal Caipira

Local: Associação dos Moradores do Pouso Alegre de Baixo

Sinopse: Um Casamento na Roça e uma Quadrilha Caipira, numa iniciativa da Oficina Municipal de Dança de Salão, coordenada pelo professor Marcus Piola em parceria com a Secretaria de Cultura. O Casamento na Roça e a Quadrilha Caipira serão apresentados pelos alunos da oficina e objetiva a descontração e a animação em ritmo de festa junina. 


20h – Festival Gastronômico

Feira de Artesanato e Quermesse


22h. Palco 1: Comandante Jão

Local: Associação dos Moradores de Pouso Alegre de Baixo

Sinopse: Músicas empolgantes e com grande interação com o público, fazendo uma releitura do sertanejo tradicional, trazendo letras com temas modernos e elementos acústicos. Esta definição de Sertanejo Universitário encaixa-se perfeitamente com o trabalho da Banda Comandante Jão, que surgiu da paixão pela música de um grupo de amigos. Qualidades musicais independentes, harmonia e amizade na integração do grupo, repertório moderno e empolgante e integração com o público são as marcas da Comandante Jão. A banda é formada por Juninho Otolani (bateria), Helton de Oliveira (percussão), Rafael Vieira (violão/guitarra), Cazu (teclado/Sanfona), Renan Felipe (voz).


Domingo (23)

10h – Cavalgada dos Tropeiros

Local: Praça da Igreja de Santa Luzia

Sinopse: Para quem procura uma atividade tranquila e aprazível e com ares do campo, a Cavalgada dos Tropeiros proporcionará essa diversão. Uma boa opção para levar a família toda sem preocupação nenhuma. As belas paisagens do passeio irão remeter aos praticantes a atmosfera do homem do campo, como ele se desloca para os locais de destino.


12h – Almoço

Local: Associação dos Moradores do Pouso Alegre de Baixo

Sinopse: Em continuidade ao Festival Gastronômico, no domingo o já tradicional almoço da Associação de Moradores de Pouso Alegre de Baixo irá propiciar mais um bom momento de delícias culinárias. Com o gostinho típico do bairro o almoço é uma ótima oportunidade para reunir a família no domingo.


13h – Festival Caipira

Local: Palco 2 – Associação dos Moradores de Pouso Alegre de Baixo.

Sinopse: José Luiz Lyra, o "Zé Lyra - o moço que o povo admira". Radialista sertanejo, há mais de 30 anos, será o apresentador do Festival de Música Caipira, que conta com duplas sertanejas de todo o interior paulista. Este ano mais uma vez o Festival Caipira premiará duplas que apresentarem o grau técnico diferenciado e encantar o público que comparecer a esta tarde de boa música caipira

 

 

Seja o primeiro a comentar esta notícia

Prefeitura Municipal de Jahu - Rua Paissandu, 444 - Centro - CEP: 17201-900 - Telefone: (14) 3602-1777

© Todos os direitos reservados - Prefeitura Municipal de Jahu | BiG DESiGNER